Vida gay em Israel

No estado de Israel, até o ano de 1988, havia um código penal contra a homossexualidade. Esse código, entretanto, nunca foi aplicado por aconselhamento do primeiro consultor judiciário do governo de Israel, Chaim Cohen. Em 1988, a Knesset (o parlamento de Israel) aboliu esse item do código penal e dessa forma foram tornadas legais as relações homossexuais.

Israel é o único país no Oriente Médio, além da Turquia, onde há vida gay aberta e assumida, como nos modelos ocidentais.

Não é esse o caso nos territórios palestinos, onde a homossexualidade constitui crime. Gays e lésbicas são rigidamente perseguidos pelas autoridades e por grupos como o Hamas. Muitos homossexuais palestinos fogem para Israel, onde são por vezes suspeitos de serem terroristas.

A capital Tel Aviv tem recebido um número cada vez maior de visitantes LGBT: sol, mar, gente bonita, vida noturna agitada e uma cena gay pulsante seduzem turistas de todo o mundo.

Extremamente livre, Tel Aviv é um caldeirão de diversidade. Além de turistas, ela acolhe homossexuais de toda Israel e do Oriente Médio, incluindo árabes e palestinos.

A fama de libertária já se espalhou por toda a comunidade judaica internacional e judeus gays de todo o mundo estão fazendo imigração para Israel, com o intuito de morar em Tel Aviv e viver livremente a sua homossexualidade, sem perder a identidade judaica.

Todavia existem outras cidades como Jerusalém, Haifa, Beer Sheeba ou Jaffa onde a homossexualidade ainda é cercada de muito preconceito.

Mas a diversidade de Tel Aviv compensa o preconceito das demais localidades. Desde as paisagens à beira mar passando por regiões do centro com locais de frequência 100% gay. No centro da cidade tem o conhecido “centro gay”, com bares, restaurantes e lojas especializadas em artigos LGBT.

A pegação rola solta durante 24 horas do dia em diversos locais: Evita, Laika, Beef e Ha’oman 17 são os principais points e por isso é um dos roteiros gays mais procurados do mundo.

@@ Gay Israel

@@@@ Pink House

Filme: BearCity

BearCity é um filme que você ama ou odeia. Uma coisa é certa: A diversão é garantida.

É a história de um grupo de gays peludos, grandes e divertidos. Aprendendo e vivendo suas aventuras na Big Aple – Nova York. Mera coincidência com Sex and the City

O roteiro aborda a vida de um grupo de amigos, com seus romances, erros e acertos, enquanto se preparam para um fim de semana de muita badalação.

O filme foi produzido em 2010, mas infelizmente não entrou em circuito comercial e foi exibido em outubro de 2010 no Festival do Rio

Já está pronto o BearCity2

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 327 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: