Relações conflituosas entre jovens gays e maduros

gay_idoso_6As relações entre jovens que gostam de gays maduros ou idosos nunca foi um mar de rosas. Os conflitos ocorrem por incontáveis razões, a principal delas é justamente a diferença de idade.

Cada um desses personagens viveu épocas distintas e tem visões diferentes sobre sexualidade e isso influencia diretamente no comportamento de cada um. Quanto menor for a diferença de idade entre os parceiros, menor serão os relacionamentos  conflituosos.

Mas no geral as relações são repletas de desilusões amorosas, ao ponto dos jovens acharem que os maduros e idosos os usam apenas para o sexo, na outra ponta da corda, os mais velhos acham que os jovens querem apenas sexo, dinheiro e vida fácil.

Bem, isso não vai mudar, sempre foi assim e sempre será – As relações intergeracionais são complexas, leia outro post aqui.

O que escreverei a seguir não é uma verdade absoluta, mas ajuda a refletir sobre o tema.

o_amor_homossexualPorque jovens gostam de homens mais velhos?

Além da homossexualidade, tem pai ausente, apático ou distante desde pequeno. O jovem projeta na figura do homem gay adulto as expectativas de um pai que não teve. Nessa imagem reside uma segurança imaginária. É como se fosse preencher com o homem mais velho a lacuna de um pai que não foi presente. Dai é fácil perceber que o jovem quer amor e carinho, quer ser tratado com mimos e delicadeza e invariavelmente, faz o papel de passivo. Essa passividade traduz a relação entre pai e filho. Mas há os jovens que são ativos, então como é que fica essa coisa da figura do pai ausente?

Bem, é a situação do que eu chamo de espelho. O jovem quer ser igual ao pai, forte, viril e comedor. O jovem quando faz o papel de ativo está cumprindo o papel do macho e inconscientemente tem no parceiro mais velho, o seu pai, apenas com papeis trocados.

Caro leitor dos Grisalhos, alguma vez você fantasiou uma relação sexual com seu pai biológico?

Se a resposta for negativa, tudo bem! Nessas fantasias alguns se imaginam sendo possuídos e penetrados por seu pai, macho e viril, outros fantasiam o contrário, metendo a vara no pai e até brincadeiras sexuais com o cacete um do outro. Outra fantasia comum é comer o pai e depois dar para ele. Essas fantasias são mais comum do que imaginamos.

Isso é muito louco! A masculinidade do pai gera inconscientemente na cabeça do jovem homossexual muita confusão e na impossibilidade de manter relações sexuais com o pai, projetam nos outros os seus desejos e boa parcela desses jovens procuram homens casados tentando encontrar a segurança, o carinho e amor.

Então, se entregam e se fodem porque relação de jovens com homem casado é uma roubada! Raras são as relações que perpetuam por longo tempo, porque para o casado você é objeto sexual e será sempre o outro, o amante de corpo gostoso.

Na adolescência, um amigo me falou: Fique longe de homem casado.

Realmente homens casados buscam sexo com outros homens porque são homossexuais enrustidos ou bissexuais e nada como um belo corpo para gozar. Eu me envolvi algumas vezes com coroas casados e as experiências foram frustrantes. Qualquer dia desses, contarei uma dessas histórias.

Conheço jovens gays de 18 a 25 ou 30 anos que se relacionam com homens de 60 anos porque gostam e se sentem bem e nem rola essa coisa de pai ausente. Neste universo os jovens topam a parada, primeiro com foco no sexo como aprendizado e se durar muito que bem, senão, ainda é jovem e encontrará a pessoa certa.

A maioria dos jovens não gosta de efeminados, logo, buscam homens de características másculas, semelhantes ao biotipo do pai. Preste atenção e perceberá que os travestis servem mais aos homens casados, como profissionais do sexo.

gay_maduro3Porque gays maduros e idosos gostam de homens mais novos?

Se existe o novo que procura o velho, consequentemente existe o velho que procura o novo. É bastante comum perceber o sentido inverso, quando homens mais velhos, de 50 anos ou mais projetam seus desejos em gays mais jovens.

Os acadêmicos dizem que é a busca pela beleza física e a virilidade, mas também, porque os papeis se invertem e os maduros e idosos projetam nos jovens os filhos que nunca tiveram.

Maduros e idosos gostam de jovens bonitos e sarados, mas também procuram outras virtudes, como inteligência, interesse e principalmente realização de sonhos, como estudar, trabalhar, conquistar seu lugar no mundo e ser independente.

Em geral os maduros não gostam de gays efeminados, os que fazem uso dos serviços de travestis e garotos de programa o fazem porque a velhice exclui o idoso do cenário sexual espontâneo ou porque são senhores casados e preferem algo semelhante ao feminino, mas diferente, porque tem um pênis entre os bagos.

LeslieJordonwebOs conflitos

O primeiro conflito a resolver é a questão do espelho do pai. O jovem deve deixar de lado as lacunas emocionais da infância. Isso não é difícil e o que não mudará são as preferencias físicas. Os jovens estão buscando os serviços de psicólogos para trabalhar essas questões emocionais, demasiadamente traumáticas.

Depois é aceitar a homossexualidade e buscar parceiros de acordo com suas preferências: Você pode gostar de homem, musculoso, peludo, gordo, grisalho, homem rude, e isso não vão mudar porque é isso que te dá e sempre dará tesão. Homens com essas características podem ser carinhosos, bons amantes e até aceitar uma relação estável.

Nem sempre se consegue um parceiro com 100% das características preferidas, então concessões devem ser pensadas para manter o seu homem. Isso serve tanto para o jovem quanto para o idoso.

Outro conflito bastante comum é não abrir mão de seus princípios. Os jovens inteligentes acham que os mais velhos não fazem concessão para manter a relação equilibrada, não cedem e isso é o principal fator de brigas e fim de relacionamentos.

É importante lembrar que os mais velhos tiveram seus conflitos, dramas e frustrações. Muitas vezes seu comportamento é uma forma de defesa. Ninguém muda a forma de pensar ou de ser de um homem, principalmente na velhice.

Há que se considerar também, o comportamento, tanto do jovem quanto do mais velho. Quem nasceu galinha será sempre galinha! Nem mesmo um louco amor vai mudar o comportamento de ninguém. Esse é um dos principais fatores recorrentes nos conflitos e o mais jovem sempre cai no conto do amor eterno. Nesta situação sente-se usado e prefere não arriscar mais em relacionamentos, fechando-se para novos encontros.

Por fim, o principal conflito da diferença de idade. Quando um jovem consegue adaptar-se ao mais velho, os conflitos tendem a ser menores, mas a maioria não consegue porque o amadurecimento é um processo natural.

O mesmo vale para o maduro ou idoso que tem facilidade de assimilação aos processos inerentes ao mundo da juventude.

Uma coisa é igualar-se ao nível social, de conhecidos e experiências dos mais jovens, mas muitos idosos confundem os processos e alguns fazem papeis ridículos.

Eu acredito que as relações harmoniosas acontecem quando ambos estão em sintonia. Sem sintonia nada vai adiante. Nem sempre o jovem está preparado para aceitar imposições dos mais velhos, mas é assim que funciona.

O equilíbrio nos relacionamentos entre jovens e maduros está em ser sincero, sem mentiras, jogo aberto, aceitando os princípios de cada um, pelo menos enquanto dure essa relação ou por quanto tempo dure o amor.

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 06/11/2015, em Comportamento, Relacionamento e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 17 Comentários.

  1. Não há sentimento melhor que ter uma pessoa que te cuida com carinho e sempre está atento a não te magoar ou machucar em todos os sentidos. Um pai quando vê que o menino está precisando de algo material ou não, por exemplo, tem prazer de dar todo o carinho que o moleque está precisando naquele momento. É a forma mais pura do amor: perceber que todo os cuidados vão até você. E é maravilhoso, quando estas mesmas características se encontram em alguém do sexo masculino, seja ele heterossexual em relação às meninas ou mulheres; ou homossexual, em que ele procura te acudir seja como pai ou amante.

  2. Eu com 15 anos fui seduzido por um vizinho de quase 40 casado iniciamos uma amizade e o sexo anal foi consequência ficavamos sempre na casa dele ou quando não dava ficavamos em algum parque ou até mesmo no carro, como me apaixonei por ele aceitava algumas coisas pois me tratava como menina, mas somente quando estávamos sós. Isso durou quase 4 anos e sofri muito, ele mudou e acabamos aí depois de um tempo iniciei minha vida hetero e me casei. Hoje em dia tenho um caso com um senhor negro de 65 ano tambem casado faz 7 anos, Eu gosto muito dele e ele de mim e faço todas suas vontades somente entre 4 paredes adoro seus mimos para comigo

  3. Sempre senti atração por homens mais velhos. Hoje sou casado , tenho filhos, e continuo sentindo esse tesão enorme por senhores. Um em especial, conheço há 6 anos, também é casado, sou apaixonado por ele, porém, nunca tive coragem de me declarar….tenho medo, por vezes penso que ele me quer , por outras pode ser somente amizade….disse há algumas semanas atrás que me queria como se fosse seu filho, disse que me amava , me deu um beijo no rosto…e eu não consegui dizer nada, não seio que fazer, queria algum conselho…..alguém saberia me dizer??

    • Deve de deixar as coisas acontecerem, pode ser que seja só amizade, mas tem fortes indícios de atração, no entanto vc não deve de forçar a barra; Se hoje ele te deu um beijo no rosto, amanhã procure passar a mão devagar pelas região das orelhas dele, procurando sentir e deixar-se sentir. Fazendo isto recolha e preste atenção nas reações dele. pode ser que ele se retraia por tempo; isto faz parte do jogo de alguém que ainda é enrustido além de casado. ele quer ter a certeza de que vc é uma pessoa confiável com quem pode ter algo mais.

    • apesar de ser novo, 20 anos, Leo, meu xará, a unica coisa que posso dizer é: aproveite. temos uma vida e ela é curta. Esse pensamento que me fez sair de uma vida hetero enganosa para buscar a minha felicidade. Perdi o medo de expor e estou feliz com meu companheiro de 58 anos.
      Carpe diem, my dear!

  4. Muito interessante, me vejo muito nesse tema.

  5. Eu tenho 18 anos e sou apaixonado por caras maduros, de 35a pra cima!! Mas eu tenho plena certeza que não tem nada a a ver com a ausência da figura de meu pai… Até pq não existiu ausência! Acho que essa tara minha é pq GERALMENTE os maduros são mais másculos, tem uma mente mais aberta, são mais experientes… por isso eu curto.. adoro um maduro ursão hahahahaha

  6. Por algumas vezes, quando eu tinha uns 18 anos eu me masturbava pensando no meu pai…. tinha um tesão muito grande nisso. Ele era distante de mim e morava em outra cidade.

  7. sabe duma, nessa história relação homossexual vai ser sempre igual, ninguém quer nada com nada, está sempre capenga, qdo. existe uma coisa, falta outra, pq. se ter certo em todos os sentidos, perde a graça, cai na mesmice, é como casamento. Temos mais é que nos virar sozinhos, e qdo. surgir a oportunidade dar uma boa trepada, e fazer de conta que não está nem ai, equilíbrio, e qdo. nos damos por conta o bofe volta com o desejo de quero mais, e assim vamos levando até enquanto houver tesão, sem cobrar nada em relação ambas as partes.

  8. Eu me relaciono com uma pessoa 12 anos mais velho, nunca enxerguei como pai, acho isso estranho mas acontece, acredito que a pessoa mais velha passa a sensação de segurança no sentido do comprometimento com a relação, que também é muito relativo, temos divergências de comportamento e atitudes, pois não sou liberal e sou monogâmico ele já pensa um pouco diferente e foi a primeira vez que me envolvi com uma pessoa muito mais velha que eu , tenho 37 ele 49.

  9. Estou gostando de um cara com 61 anos, mas parece que não quer nada sério, o que faço?

  10. Eu considero que essa possibilidade, que é a de enxergar a imagem do pai numa pessoa madura (ou do filho numa pessoa jovem), deve ser estudado pelas neurociências, porque a única literatura a respeito do por quê existem jovens que gostam de maduros (e maduros que gostam de jovens) resume-se a obsoleta literatura da teoria psicanalítica. Por exemplo, sabemos que o complexo de Édipo foi falseada pela teoria da Similaridade Genética (Rushton 2000) da psicologia evolutiva, e a explicação acima resume-se a interpretação da manifestação do complexo de Édipo na manifestação da Gerontofilia (Ebing, 1901), que não é baseada em evidência.

  11. Ótimo texto…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: