Ser homossexual idoso nos dias atuais

TOutro dia alguém me perguntou como era a vida dos gays idosos nas décadas de 1950 e 1960 e eu respondi que não era muito diferente dos dias atuais.

Após avaliar a minha resposta e conversar com alguns idosos que hoje tem entre 70 e 80 anos, eu constatei que a minha afirmação não era verdadeira.

Nos últimos 30 anos as transformações sociais são significativas e os gays da atualidade tem menos preconceito. Como diz um amigo: “No passado não dava para assumir porque os preconceitos e a própria sociedade via o homossexual como um desviante e anormal”.

Hoje a sexualidade é discutida nas rádios, em programas de televisão ou através das mídias eletrônicas e isso gera certo “conforto” aos indivíduos homo e bissexuais e nele inclui-se o grupo dos idosos.

Quanto à velhice, há que levar em consideração alguns fatores: A velhice em si não muda nunca. O envelhecimento é um processo que independe do cenário social do mundo.

Com os avanços da ciência e da medicina hoje os gays idosos tem melhor qualidade de vida, assistência médica (para aqueles que podem pagar), e com isso há uma sobrevida. A expectativa de vida da população brasileira aumentou 25,4 anos entre 1960 e 2010. A média de idade para os homens é de 73,4 anos.

Ser homossexual nos dias atuais não é tão doloroso quanto no passado. Quem viveu naquela época diz que hoje é o “Admirável Mundo Novo”, porque jamais poderiam imaginar que existiria mais liberdade no futuro – Homossexual e idoso no anos 50, nem pensar!

A discriminação contra os idosos em geral ainda não melhorou muita coisa e os próprios gays ainda não aceitam a velhice como um processo normal da vida.

post_29_2Hoje os centros urbanos propiciam lazer e entretenimento e quem pode pagar tem muitas opções.

A questão de parceiros também é outro indicador de melhora, porque hoje o gay idoso está mais ativo sexualmente, pois tem à sua disposição medicamentos que melhoram as práticas sexuais, além de profissionais que auxiliam nas questões psicológicas.

Hoje a informação corre o mundo em questão de segundos, a Internet é uma porta para quase tudo na vida e através de redes sociais é possível socializar com outros idosos com as mesmas preferências, inclusive sexual.

Numa reportagem da Revista Superinteressante de setembro de 2001, o assunto em pauta era a perspectiva da aprovação no Brasil de direitos civis aos casais homossexuais que insuflava uma série de debates sobre o amor entre pessoas do mesmo sexo, em especial como a sociedade deveria ser posicionar a respeito. Bem, isso é passado.

Os gays adquiriram alguns direitos impensáveis há 10 ou 20 anos e as ONGs estão aí para ajudar em outros temas importantes para a manutenção da cidadania dos homossexuais, como seres humanos livres.

Um dos meus correspondentes do blog tem hoje 70 anos e diz que o maior problema no passado era a família e isso não é muito diferente dos dias atuais, principalmente, para os idosos.

Ele também afirma que hoje encara as questões de namoro, sexo e vida social de uma maneira natural, e descobriu que a vida é cheia de surpresas em qualquer idade, e que, no fim, a vida dos homossexuais da atualidade não é mais uma categoria à parte. É comum e natural, tão cheia de drama e diversão como qualquer outra.

Sim, ser homossexual nos dias atuais é melhor do que no passado, inclusive para os gays idosos, mesmo sabendo que ainda estamos longe de chegar à condição ideal.

Quem viver verá

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 29/04/2014, em Comportamento, Sociedade e marcado como . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Pereira, todas as relações complicadas, essa coisa de idoso ter parceiro maduro, eu qdo. jovem só queria saber de relacionamento com idosos, pessoas que atestassem que já tinham experiência, vivência, em fim muita estrada, hoje já com meus 50 e poucos anos, confesso que essa condição não é mais pre-requisito na escolha dos mesmos, acredito que a maturidade, a minha auto-estima melhorou e hoje encaro o relacionamento de outra forma, só continuo exigindo mesmo é que a química role, papo, astral, fé, caráter, amizade, lealdade, honestidade, isso sim, são as minhas exigências nos dias de hoje, a ansiedade, angústia tudo passou, estou respirando melhor, digo, com o diafragma, curtindo a vida realmente, sem preocupação alguma com o tempo e ne tampouco com a duração das mesmas, vivo simplesmente o hoje, qdo. vivia ao contrário, era insegura e infeliz, por isso resolvi ser feliz ao meu jeito, embora tenha deixado de querer ter alguém fixo, como um imóvel, uma propriedade, e percebi que só conseguimos essa façanha quando a prendemos a nos amar de verdade, só conseguiremos o respeito que merecemos, sempre o hoje, o amanhã é simplesmente consequência do presente bem vivido, e nada nos garante, de forma milagrosa. Um abraço, experimente e sinta a mudança, depois é só postar no blog.

  2. o complicado e o idoso ter parceiro maduro tb

  3. Maravilhoso o post!!!

    Hoje a vida gay é muito melhor!

    Bjs Regis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: