O que faz alguém ser homossexual?

gay_na_varanda_chacaraQuando eu estou na chácara sempre tenho muito tempo livre para reflexões sobre a vida e o porque das coisas. Quase nunca eu encontro respostas concretas às minhas aguçadas curiosidades – Isso é próprio dos geminianos.

Sobre o título deste artigo, eu perguntei para alguns internautas e recebi muitas respostas óbvias, algumas incoerentes, mas nenhuma concreta.

  • Sou gay porque Deus quis assim.
  • Eu não nasci gay, eu me tornei gay porque tive decepções amorosas com mulheres;
  • Sou gay porque sempre odiei meu pai e busquei nos homens a falta da figura paterna;
  • Eu sou gay porque minha mãe era super protetora;
  • Sou gay porque durante a gestação a minha mãe desejou ter uma menina;
  • Eu sou gay porque fui molestado sexualmente na infância;
  • Sou gay porque sou filho único;
  • Eu sou gay porque sempre gostei mais de pintos do que de xoxota;
  • Sou gay porque o meu pinto é pequeno;
  • Eu sou gay porque me sinto uma mulher;
  • Sou gay porque sempre gostei de comportamentos depravados;

Essa coleção de justificativas mostra como procuramos culpados para justificar a nossa homossexualidade quando na verdade não existem culpados e não somos culpados de nada.

Muitos estudiosos falam que nascemos com livre-arbítrio e isso é o diferencial dos seres humanos, inclusive, na opção sexual – Eu, particularmente, tenho minhas dúvidas.

Eu já refleti sobre a possibilidade da minha homossexualidade ser uma alteração patológica do meu comportamento, mas não cheguei a nenhuma conclusão definitiva.

Também, já pensei sobre disfunção hormonal, a influência do meio e a genética. Há somente uma certeza: ser homossexual não é nada fácil. A perseguição e a intolerância têm sido o padrão de tratamento para os gays. Assumir a homossexualidade ainda é um passaporte para a rejeição social e familiar.

No ano passado eu li um artigo interessante dos cientistas Ivanka Savic e Per Lindstrom do Instituto Karolinska, da Suécia sobre as diferenças do cérebro dos gays e dos heterossexuais e como essas diferenças podem influenciar na orientação sexual. O estudo é sério e discorre sobre as estruturas cerebrais, volume e o funcionamento dessas estruturas complexas.

Os resultados mostraram que homens heterossexuais e mulheres homossexuais têm características cerebrais semelhantes. Idem, para as mulheres heterossexuais e os homens homossexuais, ou seja, nós homens gays temos os hemisférios cerebrais direito e esquerdo do mesmo tamanho – É como ganhar na loteria e nascer com a estrutura cerebral igual ao das mulheres.

Não é preciso ser um Expert para saber que o cérebro tem papel fundamental sobre nossos comportamentos, crenças e decisões.

@@ Pois é, ganhei na loteria, sou gay e isso não vai mudar!

Eu acredito que um dia a ciência será a redentora de todos os gays, pois se confirmarem a orientação sexual como consequência das estruturas cerebrais, pelo menos justificará uma visão mais tolerante e compreensiva sobre nossas atitudes, vontades, vaidades e fraquezas.

quero-queroEnquanto isso, lá na minha chácara eu continuarei sentado na varanda observando a natureza, os animais, os pássaros e os comportamentos de cuidados, afeto e carinho desses seres que compartilham comigo o mesmo espaço, numa pequena cidade do interior. Observarei com mais atenção um casal de quero-quero, pois ainda não descobri se são macho e fêmea ou se são dois machos ou duas fêmeas – Assim é a natureza!

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 30/01/2013, em Sexualidade e marcado como . Adicione o link aos favoritos. 15 Comentários.

  1. es bueno saber de donde que nos venimos y yo creo que ser gay no se hace, se nace

  2. me relacionei com mulheres até meus 17 anos e eu gostava muito. Depois percebi em mim um certo interesse por homens bem mais velhos que eu mas nunca tive coragem de falar a ninguém, até meus 21 anos de idade vive com isso dentro de mim e somente com essa idade eu tive coragem e fui pra internet procurar alguém pra matar minha curiosidade, foi quando tive meu primeiro contato com alguém do mesmo sexo. Conheci uma pessoa que logo tive um relacionamento rápido e não agradável…resolvi que era isso que eu queria pra mim e continuei procurando….Dia 27 deste mês completo 8 meses de casado….hoje moro com meu parceiro de 45 anos que amo mais que tudo nessa vida….Como todos homos não sei o porquê que sou homossexual, mas eu nunca gostei do meu pai, ele nunca demonstrou carinho por mim, e sempre tive inveja dos meus amigos quando via os pais deles chegando do trabalho e todo mundo ganhando abraços e beijos carinhosos…..bem, hoje tenho uma pessoa que faz papel de Esposo, amigo e pai, nunca conheci alguém mais carinhoso e que se preocupa tanto comigo….adorei o texto.

    • Neto
      Legal os seus comentários. Essa coisa de rejeição ao pai é um dos fatores comuns entre gays masculinos.
      abraços

      • mas eu gosto tanto que acho que esse não foi o motivo que me levou a optar por esse lado da vida. amo meu Parceiro como nunca amei nenhuma namorada que tive quando ainda me relacionava com mulheres.

  3. Se alguém nasce homossexual, não são todos. Eu sentia atração por mulheres, embora tivesse tido relações homossexuais apenas para satisfazer o intenso desejo sexual da juventude. Mas eu não sentia atração física por aqueles homens. Tive também experiências muito negativas com mulheres.
    Aos trinta e poucos anos fui beijado na boca por outro homem (ainda lembro do gosto de whisky). Nesse momento tive certeza que era isso que queria para o resto da vida. Passei a gostar de ver homens nus, de sentir seu cheiro… Continuei tendo o mesmo comportamento masculino. E nunca mais senti atração física por mulheres.

  4. Bartolomeu

    Oi Régis,
    Também já pensei muito sobre minha sexualidade, mas acho que tudo na vida tem um porquê, o fato de ser homossexual dificulta algumas coisas na vida em sociedade isso é um fato, mas também me trouxe benefícios, sou uma pessoa com mais sensibilidade por exemplo. Adoro seus artigos sempre são muito esclarecedores, fui criado numa cidade do interior, quando vim morar em Fortaleza era meio ingênuo, sofri um pouco, pois gosto de homens maduros e alguns são bem frios quando se trata de sentimentos.
    Seus textos me ajudam a entender muitas coisas, posso dizer que contribuem para meu amadurecimento.
    Parabéns!

    • Bartolomeu

      O blog tem essa finalidade mesmo. Disseminar conhecimento específico do mundo gay, além de agregar valor para os leitores com experiências pessoais e de outros leitores. Se apenas 1% de tudo o que já foi publicado servir de exemplo para outros gays,já valeu a pena.
      Tenha a certeza que eu também aprendo muito com textos escritos nos comentários.

      Abraços
      Regis

  5. Caramba!
    Este post bateu o recorde de leituras em menos de 24hs – Mais de 200. Uau!!

  6. Olá Regis achei muito boa a sua matéria, sabe que eu ainda vivo me perguntando e me culpando o por que disso talvez só o tempo vai tirar a minha dúvida e a minha culpa ou sempre me sentirei assim isso eu ainda não sei.
    Mas mesmo entre os gays existem diferentes tipos acredito eu, no meu caso, eu gosto de homens maduros com jeito de homem e eu também tenho jeito e gosto de me comportar como um homem normal, só que como eu moro no interior é muito difícil encontrar um gay maduro.
    Eu queria uma dica de como poderei procurar, sei que no interior realmente é difícil mas acredito que não seja impossível de achar.
    Suas matérias são realmente muito boas, parabéns!!!

    • Edson,
      Todos os gays quando se descobrem “gay” entram num processo continuo de culpas – Desde a adolescência até a fase adulta e muitas vezes até na maturidade.
      O processo de assimilação da condição homossexual varia de pessoa para pessoa.
      Quanto à dificuldade de encontrar parceiros maduros para relacionamento numa cidade do interior isso é fato.
      Eu, acredito que precisamos colocar “asas” nos pés e sair para o mundo.
      Cidades com São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, etc. a probabilidade de encontrar parceiros é maior, mas é necessário cautela e “bom faro” – Nem sempre a procura ou a busca resulta em encontros.
      abraços
      Regis

    • Pois é, Edson! Eu também acho que todos os gays são iguais por se gay, mas há deferências, entre os gays, por cada um ter suas preferências no seu cotidiano social. Porém, a resposta é difícil sabe o porquê somos gays, como estão no post, muitas respostas óbvias, algumas incoerente. Isso e censo comum. As experiências, vivida por cada internauta.
      Há também algumas teorias cientificas. Eu acho Freud, uma boa base para refletir algumas coisas da homossexualidade.
      Edson, como você falou que é difícil de arrumar gay maduro no interior, aqui no blog tem um post, referente os gays maduros do interior, ótimo texto com o tema: O homem gay do interior. Neste post, deu para entender as dificuldades dos gays que vivem no interior, mas, tudo tem o dia e hora; outra também é que você se comporta como hetero e gosta de gay nesse mesmo perfil, isso pode dificultar muito na paquera, não só no interior, nas grandes cidade também. Falo isso por que eu tive a mesma dificuldade sua e numa cidade grande. Hoje tenho 23 anos e meu companheiro 65, nossa relação estável vai completar 6 anos em Julho de 2013. Aqui em São Paulo eu já ouvi história de gays que tinham as mesmas dificuldades que eu tive e você está tendo e acabou arrumando sua alma gêmea no mesmo prédio que morava. Talvez a sua alma gêmea, está ao seu lado e você não sabe.
      Abs!!!

  7. Vou dar meu pitaco: aprendi cada coisa legal neste blog que eu queria dividir uns conceitos meus. Não sei se to certo mas vejo assim:
    Sempre eu disse aqui que eu nunca quis entender nada, pois para mim seria muito limitante.
    vou explicar: Se eu realmente soubesse a resposta real e concreta e absoluta sobre a minha
    homossexualidade. Ex: se o motivo meu fosse o fato de ter tido um pai ausente, ou pau
    pequeno ou outra coisa qualquer sei lá…. em que modificaria a minha condição GAY, eu
    deixaria de ser gay? certamente não.
    Ou eu me tornaria um ser melhor a partir disto?
    palavras delatam e relatam mas não justificam ou concluem uma situação.
    Eu penso ke vc chega aonde tem que chegar e pronto.
    As coisas e pessoas são o ke são e ponto final.
    A minha certeza é essa: o melhor da vida deve ser depois dos 50 em diante.
    A bagagem e o pacote tá completo eu penso ke deve ser o auge da vida.
    maximize. deva ser maximização da vida(existe esta palavra?) tudo muito intenso.
    Se o dono do blog fosse hetero pai de um casal de filhos com família constituída o blog teria razão de existir?
    ( ) sim
    ( ) não
    ( ) não sei
    ( ) nenhuma das anteriores
    eu vejo por este lado, quem sou eu para julgar e vc aí o ke pensa a respeito disso?
    ou eu viajo na pira?
    abraços fuertes Marcelo

    • Olá Marcelo

      Cá estamos gerando discussões e aprendizado.

      A ideia do post surgiu lá no interior pois eu já tinha a coleta de dados dos internautas sobre o que faz alguém ser gay.
      Aquele casal de quero-quero me parece ser de machos e é a coisa mais linda de se ver.
      Estou contando as horas para estar na chácara no próximo sábado e continuar apreciando o namoro dos pássaros.

      Abraços, Regis

      • olha ke interessante isso, vc falando de pássaros:
        Já foram encontrados relacionamentos homossexuais em mais de 1500 espécies não
        humanas.
        As aranhas viúvas negras matam o macho após copular, a abelha(macho após ferroar
        perde o ferro( o pipi).
        Gatos, porcos comem os filhotes com ou sem motivos.
        roedores reproduzem com parentes diretos com filhos a ma~e ou o pai fecundado a
        filha.Alcançaram???????????????
        Acho a coisa mais linda o amor dos golfinhos( kero ver isso um dia ao vivo)
        Na historia animal não existe a homofobia.
        O amor gay é uma força da natureza
        talvez a resposta tb pode ser isso.
        obs: moçada a mente é a casa da LOKA, eu não estou inventado isso não quem quiser
        aprofundar no assunto tá wikipédia homossexualidade em animais ok?
        conta pra nóis depois o namoro dos passarinhos…se rolou rsrsrs…………………

  1. Pingback: ( E.V.S. )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: