Os gays em 2012

O ano novo traz muitas promessas de mudanças de hábitos. Parar de fumar, de beber, perder peso, trocar de carro, de casa, de trabalho, etc.

Para os gays o que vai mudar?

Evoluímos lentamente para direitos iguais, sem discriminação, com proteção e menos homofobia. Ah! tem também os direitos civis e a união  estável.

Ontem um amigo me perguntou quem eu quero ser neste ano e eu respondi:

Eu quero ser eu mesmo. Quero aperfeiçoar algumas coisas pendentes, continuar trabalhando, aproveitar as horas livres para viagens com o meu companheiro, leituras e bons filmes.

Os gays mais experientes já sabem que nada muda e não temos como ser diferentes do que somos.

Eu espero menos violência contra os gays e menos intolerância.

Eu quero ser um gay que compartilha experiências através deste blog, porque essa é uma forma de socialização. Um trabalho social que completará três anos no final de janeiro.

Quero ser diferente em algumas coisas que eu acredito, como por exemplo, ampliar o alcance do blog para além das fronteiras brasileiras, para além mar. Nossos colegas lusitanos também têm muitos problemas comuns aos nossos. Aliás, os problemas dos gays maduros e idosos são iguais em qualquer parte do mundo!

Quem você quer ser em 2012?

Eu espero que nessa pessoa que você quer ser neste ano tenha espaço para um ser humano gentil, menos problemático, com menos traumas ou doenças próprias da idade e com muita vontade de viver uma vida digna, preferencialmente, com um companheiro para dividir bons momentos.

Talvez algumas mudanças físicas e comportamentais: mais gordinhos, mais grisalhos e talvez carecas. Nem por isso estaremos na mídia e ficaremos longe da badalação do mundo gay porque somos de uma época onde a discriminação era muito forte.

Já não cultuamos o corpo e a juventude, buscamos relações estáveis para compartilhar momentos de prazer a dois. Ampliamos nossos conhecimentos com a Internet, interagimos em redes sociais e buscamos não ficar sozinhos.

E assim, viveremos mais um ano de muitos sonhos e esperanças.

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 18/01/2012, em Comportamento e marcado como . Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Descobri ao acaso este blog, no dia 24.01. 2012, no dia vinte e quatro…pode .rsrsrs….então eu já estou começando o ano bem.
    O que eu tenho aprendido nos últimos tempos, que a felicidade mora no lugar mais escondido do mundo.DENTRO DA GENTE, e com isso eu descobri que eu sou uma boa companhia para mim, eu quem não posso me abandonar ou deixar alguém tomar as rédeas da minha vida, como por exemplo alguem decidir algo por mim.Esse amor existe, deve estar
    em algum lugar…mas enquanto isso vou vivendo.Não tenho tempo algum…porque ser feliz
    me consome.

  2. Em 2012 continuarei a ser a mesma pessoa,com uma diferença:estou cheio de esperança e otimismo .Espero que se possa ter mais tolerância com todos.
    Espero também encontrar um amor verdadeiro,sem pretensões e cobranças.

  3. José Francisco Luchesi de Frias

    Eu, meus amigos, neste ano de 2012 vou continuar sendo a mesma pessoa de sempre: trabalhando, cuidando das minhas coisas pessoais, cuidando da minha casa. Espero, se me for permitido, conhecer uma pessoa, pois não está fácil conviver com a solidão, mas que seja um cara decente, honesto, sincero, ou seja, um verdadeiro ser humano, o que neste mundo está muito raro de se encontrar, mas para Deus, nada é impossível, então…………….. O resto continua sendo tudo a mesma coisa, apenas muda uma data no calendário e eu fico um ano mais velho, o resto continua tudo na mesma.

  4. Paulo Azevedo Chaves

    Meu projeto de vida para 2012 se resume ao lançamento de dois livros pela Internet (site ISSUU, versão flash player): Novos Ritos da Perversão e Outros Poemas e minha autobiografia intitulada À Sombra da Casa Azul (a Casa Azul é a casa de meus pais,onde nasci e passei anos felizes de minha vida).Vida sentimental/sexual ficou no passado. quando tive amores e encontros diversos em Recife, Londres, Rio, Paris,Rio de Janeiro e São Paulo. “Ai que saudades que eu tenho da aurora de minha vida…” (Casimiro de Abreu)
    Parabéns e felicidades para quem tem amores no presente. Eu apenas conjugo o verbo amar e tranzar no passado….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: