Gays maduros e o verão 2011–2012

Com a proximidade do verão brasileiro os gays se preparam para ferver, tomar sol, beber, dançar e fazer muito sexo – O verão é a estação do amor!

No período que se inicia no dia 21 de dezembro até o final do verão, o mundo gay se coloca em movimentos constantes.

Os destinos preferidos são as praias, principalmente, nas cidades do Rio de Janeiro, Salvador, Recife, Florianópolis e algumas praias do litoral paulista e do nordeste.

Neste ano eu recebi uma centena de e-mails com pedidos de ajuda, para indicar locais onde encontrar os gays maduros e idosos – Eu já escrevi outro post em janeiro 2010, leia: Gays maduros e o verão

Primeiro, são pouquíssimos os locais de frequência dessa população. Você vai encontra-los circulando por espaços públicos e fora dos guetos. Até os guetos ficam esvaziados durante o verão.

Eu já escrevi aqui no blog sobre o isolamento social dos gays maduros e idosos, mas existe uma parcela desses gays que circularão pelo Brasil em viagens de férias. Hoje os gays são privilegiados, pois com o mundo mix, temos agencias de viagens especializadas, locais e hotéis friendly, entre outras facilidades.

A orla das praias é um excelente local para encontrar gays disponíveis para um papo, sexo e relacionamento.

Os points na orla das praias nascem e morrem a cada estação. O que foi sucesso no verão passado, talvez hoje não exista mais.

O verão se inicia praticamente no Natal e nesta época os gays mais velhos não tem muito o que comemorar e muitos preferem se isolar porque estão distantes da família ou não tem mais parentes vivos e os poucos amigos estão saindo de férias.

Os gays que tem relacionamento estável preparam sua ceia de Natal e convidam os amigos, também, com parceiros fixos – É a substituição da entidade familiar por uma entidade de afinidades.

No ano novo o clima é diferente. Os gays querem sair, curtir festas públicas, eventos culturais, música ou festas particulares promovidas por amigos.

O ritual de passar o réveillon nas praias não é privilégio dos heterossexuais. Os gays fervem nas praias do litoral brasileiro e com o raiar do sol do primeiro dia do ano novo, surgem novas esperanças de dias melhores, bons empregos, dinheiro e se possível com um novo companheiro para dividir bons momentos de prazer, satisfação, alegrias e a certeza de que se não encontrou o parceiro ideal pelo menos viveu bons momentos de prazer.

O verão é uma estação mágica que transforma nossa vida, nos dá esperanças de viver dias maravilhosos, um mundo perfeito onde ser homossexual não é crime, doença ou aberração da natureza e de quebra nos faz sonhar, os sonhos mais simples e puros.

Anúncios

Sobre Regis

58 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 13/12/2011, em Comportamento, Consumo, Diversão, Sexo, Turismo e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. Ola,nao se sinta assim! um dia voce encontrara alguem! eu ainda nao encontrei, tenho 21 Anos e olha onde estou,meu gosto é esse,e vou continuar procurando os mais velhos,pois os da minha idade nao tem a menor visao de futuro,muito menos compromisso! continuo a procura embora seje mto dificil um ‘maduro’ se envolver com alguem da minha idade…um feliz natal a todos.

    • Olá Rivael não desista. Continue assim, perserverante! Há maduros legais e que querem algo legal, real, durável com mais jovens. Claro que para nós maduros há sempre o pré-conceito de que os mais jovens buscam mesmo é vantagens financeiras, presentes e tal. Mas tem que mostrar que o que vc busca é algo consistente e, como já disse, persistir. Um abraço.

  2. José Francisco Luchesi de Frias

    Bem, meus amigos, eu por exemplo, nesta época do ano, passo as festas de final de ano totalmente sozinho. Já estou acostumado com isso, o que não é nada fácil, pois não tenho amigos, tenho e não tenho família, trabalho como porteiro e tenho que respeitar a minha escala de trabalho…. portanto eu já estou acostumado com a solidão… sinto sim a falta de um companheiro para poder nesta hora abraçá-lo, beijá-lo, ceiar com ele…. enfim… dividir com ele o meu dia a dia, as minhas alegrias, as minhas tristezas…. e poder dividir com ele o meu Natal e o meu Ano Novo… Mas…. enquanto isso não acontece…. vou levando a minha solidão numa boa. Eu já estou com uma certa idade mesmo ( 54 anos ), o que eles vão querer com um cara como eu ???????

  1. Pingback: O verão dos gays | Grisalhos

  2. Pingback: Gays maduros e o verão 2013-2014 | Grisalhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: