Gay idoso e a pedofilia

No último sábado, a Justiça dos EUA decretou a prisão do ex-assistente técnico de futebol americano universitário Jerry Sandusky (no centro da imagem). Ele teria molestado oito garotos em 15 anos.

Parte desses crimes teria acontecido enquanto Sandusky trabalhou na comissão técnica da Penn State, uma das dez universidades que mais formaram atletas para a NFL, a liga profissional de futebol americano dos EUA.

Esse episódio não é um caso isolado. A pedofilia praticada por homens maduros e idosos contra garotos não é rara e o índice é até maior do que a pedofilia de heterossexuais.

Pergunto: Porque esse índice é maior no universo homossexual, se o contingente de gays em relação aos heteros é de 1 para 10? Eu não sei a resposta.

Pra mim a pedofilia não é uma preferência como dizem alguns, mas uma doença, assim como tantos outros desvios de comportamento que envolve a prática sexual.

Não tem gay que gosta de fazer sexo com animais? Com árvores? Com objetos inanimados?

Hoje a pedofilia virou uma paranoia globalizada e quem sabe num futuro próximo os conceitos atualmente atribuídos a esse desvio comportamental tenha outra conotação.

O homossexual pedófilo nasce pedófilo e morre pedófilo.

Desculpem-me os leitores, mas eu sou 100% contra a pedofilia, seja ela de gays ou de heterossexuais.

A pedofilia gera traumas nas crianças e adolescentes, para o resto da vida.

A pedofilia é responsável por suicídios e mortes prematuras.

Eu mesmo tive assedio de homens gays quando eu tinha entre 10 e 13 anos.

Um era professor de uns 45 anos, outro era funcionário público do Fórum de São Paulo e outro era profissional liberal. Esse último foi com quem eu tive as primeiras brincadeiras de fato – A iniciação homossexual.

Quantos de vocês não tiveram experiências semelhantes às minhas?

Eu nunca senti culpas porque eu me deixei seduzir e naquela época eu sabia o que estava fazendo (eu era safadinho), mas a maioria das crianças e adolescentes não sabe e tem um choque ao ter o contato com o pedófilo quando o ato sexual se consuma.

Ter preferências físicas e sexuais por homens mais jovens não é problema. Tem que saber separar, não por idade, mas por maturidade mental.

Já tentei avaliar porque a pedofilia existe e nunca cheguei a alguma conclusão definitiva.

Não sei se existe relação de afeto (papeis de pai ou companheiro), porque na pedofilia sempre existe a violência física – vide o filme “má educação” de Almodóvar.

As brincadeiras sexuais entre os pedófilos gays idosos, nem sempre envolve penetração e restringe-se aos toques e masturbação da genitália. É o famoso: “molestar garotos”.

A sedução dos garotos ocorre de acordo com o meio ambiente nos quais estão inseridos os personagens: criança e adulto.

Essa mesma sedução sempre tem uma moeda de troca. Seja um presente, um agrado ou mesmo, o dinheiro. Em algumas situações não tem moeda de troca; é o poder pelo poder, a força pela força, a chantagem pela chantagem. São os casos de pedofilia no ambiente da igreja católica e nos ambientes dos esportes coletivos.

Os pedófilos gays usam as mesmas técnicas de sedução dos pedófilos heterossexuais. A única diferença é a preferência pelo gênero: masculino ou feminino.

Você já parou para pensar: será que existe pedófilo bissexual? eu acho que sim, mesmo sendo uma minoria.

Bem, este assunto é extenso, complexo e cada um tem uma opinião.

Hoje todos estão aptos para comentar e falar sobre pedofilia e defendem suas posições, todos exceto os adultos que se interessam por crianças  – Júlio Severo.

Lembro que na Grécia antiga a pedofilia não era crime, porque a sociedade grega dava mais importância à formação intelectual do indivíduo e o sexo era apenas uma parte da vida dos seus cidadãos.

Hoje a pedofilia é crime por critérios científicos da medicina e psicologia, jurídicos e religioso.

E assim, a vida segue…

>>> Um ótimo feriadão para todos os leitores

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 11/11/2011, em Comportamento, Sexo, Sexualidade e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 8 Comentários.

  1. Joao Paulo

    Bem, eu não tenho este problema… meu querido companheiro é 36 anos mais velho do que eu. Seria eu um coorófilo? hehehehe

    Brincadeiras a parte, concordo contigo, pedofilia é ruim seja hetero ou homo. Entretanto pergunto: Será que um garoto de 15 anos não sabe o que quer? Penso que nesse caso foi mais o uso do poder para obter sexo do que pedofilia propriamente dita.

    Um abraço!

    • Concordo com você, João Paulo e faço a mesma pergunta: será que um garoto de 15 anos não sabe o que quer? Tive e infelicidade de cair numa armadilha de um rapaz de 16 anos (eu tive na época 42). Além de perder grandes somas de dinheiro acabei sendo acusado perante a policia, levado à Justiça. Só lá se descobriu que tudo foi premeditado por ele com o propósito de conseguir ainda mais dinheiro. Ainda bem que o Tribunal descobriu o golpe. Mas, depois dessa experiência não tenho mais tanta facilidade de confiar em qualquer pessoa, principalmente mais jovem, embora sinta falta de alguém ao meu lado…

  2. Vocês cortaram uma palavra do meu comentário. Daí eu pergunto: esse site é mesmo democrático? Isso deveria ser crime, não se deve utilizar um comentário e modificá-lo para publicá-lo. Então seria melhor não publicá-lo.

    • cortei sim, porque pedofilia não gera homossexualidade.
      Você é gay? se não é gay, eu recomendo a você procurar outro lugar.
      Você está confundindo democracia com liberdade de expressão.
      Quer se expressar, crie o seu próprio blog.

      • João Paulo

        só uma coisa: o sufixo ‘ismo’ faz referencia a uma patologia. O correto é homossexualidade.

  3. A pedofilia pode trazer diversas consequências negativas para uma criança. A criança abusada pode desenvolver na vida adulta transtornos compulsivos, síndrome do pânico, distúrbios sexuais.

  4. José Francisco Luchesi de Frias

    Eu sou totalmente contra a Pedofilia. Eu jamais farei isso com qualquer criança. Se quer fazer……….. que faça com adultos……….e não com crianças inocentes que ainda não sabem nada sobre a vida tumultuada que estamos enfrentando nos dias de hoje: Só violência, maus tratos com as pessoas, a falta de respeito, a falte da educação na rua, no trabalho, as pessoas não querem mais saber umas das outras, elas querem se isolar de tudo e de todos.

  5. Paulo Azevedo Chaves

    A pedofilia praticada contra meninas me parece mais frequente do que a praticada contra meninos.Ou seja, parece-me haver mais heterossexuais pedófilos, do que pedófilos gays.Pelo menos, é isso que se deduz das ocorrências relatadas pela Imprensa.Outro aspecto interessante da pedofilia é que ela é praticada por homens, bem mais raramente por mulheres. No post aqui publicado agradou-me sobretudo a isenção do autor, ao reconhecer que muitos gays idosos incorrem nessa prática abominável.E que, independentemente da orientação sexual dos sedutores, eles devem ser punidos e drasticamente afastados do convívio social pois provocam danos irreversíveis às suas vítimas e às respectivas famílias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: