Gayando por ai

Os gays que vivem nas grandes cidades e nas metrópoles gostam de ferver nas baladas, bares e points gays, mas como os espaços para gays maduros e idosos quase não existem eles ficam trancados em casa ou passeiam nas praças, nos shopping centers e os felizardos residentes no litoral circulam pela orla das praias.

Neste cenário há duas variantes: ou você está sozinho ou tem um companheiro. Na primeira situação você decide a sua vida de acordo com o seu cotidiano e pouco se relaciona com outras pessoas. Na segunda situação invariavelmente você sempre tem a companhia de amigos, vizinhos ou parentes e isso compromete muito a relação do casal devido às interferências externas.

Neste final de semana eu estava na chácara e conversando com meu companheiro chegamos a seguinte conclusão:
Quando estamos sozinhos a nossa relação vai de “vento em popa“, mas quando há interferências externas sempre há muito desgaste por conta de tantas cobranças ou mesmo atitudes e ações que entristecem um ou outro, principalmente, o cíume.
Então decidimos que nos próximos dois anos vamos circular muito, viajar bastante para aproveitar ao máximo a vida e a nossa relação e não queremos interferências externas. É óbvio que para isso temos que fazer um planejamento financeiro, adequar as disponibilidades de tempo e ter muita saúde.

Quando você chega aos 50 anos e no caso do meu companheiro, 65 anos, você quer sossego, calma, distração sem compromisso e uma vida sem problemas.

Já começamos o que eu chamo de “gayando por ai” um trocadilho para “guiando por ai” e ontem bem cedo nós saímos da chácara rumo a um mosteiro cisterciense há 30 km de distância, depois circulamos mais 50 km, por uma estrada vicinal entre uma área de plantio de eucaliptos até chegar à cidade de Botucatu.
Estacionei o carro numa praça e tomamos um café muito gostoso num local chamado “o recanto das tortas”. Depois desci a serra onde percorremos mais 60 km, para almoçar num restaurante da rede RodoStar com gente bonita e música ao vivo, assim como “um piano ao cair da tarde”. Dali nós voltamos para nosso cantinho na chácara.
O domingo foi perfeito e mesmo depois de dirigir mais de 350km num mesmo dia valeu muito a pena. O mais legal nisso tudo é que não gastamos tanto dinheiro e chegamos a São Paulo alegres e em harmonia.

Já planejamos a viagem desta próxima semana do feriado de 15 de novembro e vamos para Parati no Rio de Janeiro. Depois entre o Natal e o Ano Novo circularemos de carro entre São Paulo e Porto Alegre.
Em janeiro vamos deixar o carro na garagem e embarcaremos para uma viagem de doze dias ao Nordeste. Lá alugaremos um carro e circularemos entre Natal e Fortaleza, passando por Mossoró e revendo a pequena São Miguel do Gostoso, um local paradisíaco no norte do estado do Rio Grande do Norte, um local ideal para a prática do Kitesurf. Se sobrar tempo vamos até Pipa e também curtir as falésias de Cacimbinhas.

Se você gosta de viajar e tem um companheiro não se intimide e saia da rotina que te aprisiona há anos. Fuja da cidade e do consumismo exagerado, vá para o campo ou para a praia, não tenha medo da homofobia ou do que os outros vão falar ou pensar. Você tem direito de aproveitar a sua vida plenamente porque a velhice chega e ai você vai ter muito tempo para ficar em casa.

Portanto, saia e se o dinheiro está curto, dê um jeito, porque o brasileiro sempre dá um jeitinho de arrumar a situação, só não vale enferrujar e ficar um gay velho, chato e ranzinza. Aproveite ao máximo suas viagens porque na velhice você vai ter muitas histórias para lembrar.

Gayando por ai” você descobrirá lugares maravilhosos e no Brasil ainda é possível encontrar ótimos preços de hospedagem. A comida é deliciosa e diversificada, o povo é lindo e multicolorido, assim como esses dias de sol que antecedem o verão brasileiro.

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 08/11/2010, em Diversão, Opinião, Turismo e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: