Gay maduro: 5 makes para ficar sexy

Não existem fórmulas mágicas para conquistar parceiros, mas como o mundo gay vive muito de aparências é necessário que cada um descubra quais são os seus trunfos para ficar mais sexy.

Recentes pesquisas indicam que o homem quando chega aos 55 anos de idade tem uma tendência natural de relaxar com a sua aparência, principalmente quando está saindo do mercado de trabalho e entrando na fase da aposentadoria. Não pense você que não acontece a mesma coisa com com o gay masculino!

Os gays admiradores de homens grisalhos gostam de homens tipo “executivos”, mas nem sempre isso é possível face à nossa cultura tropical.

Para se tornar mais sexy eis aqui alguns makes que dividi em 5 categorias:
1. Cuidados com aparência física
São os cuidados gerais com a pele, preferencialmente hidratada, cabelos bem aparados e penteados. Evite usar barba, prefira rosto limpo ou no máximo com bigodes. Mãos bem cuidadas e unhas bem aparadas e por fim cuidados especiais com os pés, mesmo que inicialmente ninguém veja, mas na hora do sexo os pés é fetiche de muitos gays.
2. Cuidados com roupas e acessórios
Use roupas de acordo com a estação do ano, evite camisas de cores fortes, use jeans bem moldados ao corpo, nada que denuncie falta de gosto e para ocasiões especiais substitua por calça social. Use sapatos leves e confortáveis, nada de chinelos ou sandálias, a não ser que você esteja em casa ou na praia. Você sabia que todo mundo costuma olhar para os sapatos como indicativo de bom gosto? Evite blusas, opte por jaquetas de nylon, suéter ou camisas de manga longa. Evite o xadrez e prefira tons claros. Bonés e chapéus nem pensar, a não ser que você esteja na chácara ou sítio. Combine sempre sapato, meia e cinto na mesma cor, preferencialmente preto ou marrom clássico e nada de caramelo.
3. Cuidados com a saúde
A primeira impressão está no seu sorriso e nos dentes, portanto, cuide muito bem deles, porque com a idade há uma propensão para a descalcificação dos ossos. Além do dentista vá regularmente ao oculista e se o uso de óculos for inevitável, prefira armações leves e discretas, opte por lentes Zeiss ou Varilux, progressivas ou multifocais. Faça o check up anual e exames de sangue para análise de DST. Não descuide nunca do colesterol, cuide da obesidade e de outras doenças invisíveis e por fim cuide bem da circulação sanguínea, principalmente nas pernas onde ocorrem varizes.
4. Cuidados com a auto-estima
A auto-estima está diretamente ligada ao seu estado de espírito. É um conjunto de fatores que lhe permitem estar de bem com a vida. Ninguém ensina nada sobre auto-estima, mas muitas coisas contribuem para esse estado. Ter amor próprio, amar primeiro a você e depois os outros. Como você pode dar amor a alguém se você não se ama? Os gays são solitários por natureza, portanto, nunca rejeite a idéia de procurar auxilio médico ou de psicólogos. Faça amigos, saia diariamente, ocupe-se com coisas boas – Os cinco makes apresentados neste post são coisas que contribuem para a auto-estima.
5. Cuidados com o bolso
Falar em dinheiro é bom e faz bem ao ego. Portanto, comece a organizar suas finanças, evite gastar com coisas supérfluas. O ciclo do dinheiro começa com a retirada do banco e termina quando sai definitivamente do seu bolso. Ele vai embora e não volta mais e muitas vezes você não tem como recomeçar o ciclo até voltar ao banco e fazer outra retirada.

Atualmente os gays estão pensando mais no futuro e economizando dinheiro. Poupar não faz mal a ninguém e lá na frente isso fará a diferença entre um gay de vida tranqüila ou um gay sem perspectivas de futuro e com falta de dinheiro.

Enfim, são muitos truques que fazem diferença na hora de ser percebido e visto como um gay sexy. É obvio que a própria aparência física (magro, alto, gordo, baixo) também faz diferença, porque tem gente que gosta de todo tipo de gay maduro, mas tem que cuidar do corpo, da saúde, da mente e do bolso.
Até a pele faz diferença porque exala o cheio natural de cada um, mas você também pode usar um perfume leve e sensual – que tal um Givenchy Blue Label?

Ser sexy independe de cor, raça ou religião e muitos gays maduros precisam encontrar o ponto de equilíbrio que os faça ser mais sexy.
Muitos já nascem gostosões, mas não pense você que basta ser bonito para conquistar parceiros, beleza e sensualidade são coisas bem diferentes, mas que se completam.

Você tem que ser inteligente para perceber o que está acontecendo à sua volta, tem que estar plugado no mundo, nas mudanças do cotidiano e nas preferências atuais dos gays.

Agora que você leu este post, já está mais preparado para sair e ficar mais sexy?

Vá em frente, o mundo te espera!!

Ah, e antes que eu me esqueça: Isso não vale apenas para os gays maduros ou idosos, vale para qualquer um.

>> outro post relacionado ao tema: Gay maduro e a arte de se vender

Anúncios

Sobre Regis

58 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 08/06/2010, em Qualidade de Vida, Sexualidade e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. José Sobral Neto

    Gracinha !!!!!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: