O Príncipe e a Andorinha

O Príncipe feliz é um dos contos de maior sucesso de Oscar Wilde devido ao seu conteúdo imaginativo e reflexivo.

É a história de um príncipe que por tempos viu-se preso aos muros do palácio em que vivia e desta forma não teve a oportunidade de conhecer de perto as misérias humanas considerando “felicidade” somente o prazer que vivenciava junto aos seus.
Após a sua morte o príncipe tornar-se uma estátua valiosa e pôde conhecer tudo o que acontecia no mundo. Infelizmente nada podia fazer para melhorar a situação de vida da cidade e das pessoas de onde vivia pois, encontrava-se preso ao pedestal que fora criado para ele.
Sentia-se triste e culpado por ser feito de tanto ouro e pedras e nada poder fazer com tal preciosidade. Eis que surge uma pequena andorinha que após muita insistência do príncipe passa a ajudá-lo.

Os gays, principalmente os adultos não tem a oportunidade de conhecer a plenitude de suas vidas, incluindo-se ai a Felicidade. Vivemos nossas vidas por sexo e prazer e confundimos a felicidade com esses prezeres que muitas vezes são tão efêmeros.
Isso que escrevo não é uma regra, mas ao envelhecermos ficamos presos num pedestal e aí nos entristecemos e nos isolamos – aí vem a solidão.

Procure encontrar a sua andorinha que possa retirar as suas culpas e
você possa finalmente encontrar a plenitude da vida.

Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 11/11/2009, em Literatura, Qualidade de Vida. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: