Gay maduro e o alcoolismo

Quando se fala em alcoolismo não se classifica o dependente por orientação sexual, mas a incidência de alcoólatras é maior entre os homens do que entre as mulheres.

Acredita-se que seja causado principalmente por predisposição genética e em menor parte pelo ambiente: família, amigos, bares, boates e a própria vida do gay maduro.
O álcool entra na vida do homossexual na adolescência – nas baladas e raves. O mundo gay moderno proporciona muitas opções noturnas de lazer e finais de semana.
Nas grandes cidades as boates e bares são o “grande vilão”, porque além de proporcionar diversão e paqueras, proporciona um grande consumo de bebidas e energéticos calibrados com álcool e sem nenhum controle.
Geralmente, o gay maduro passou anos consumindo bebidas alcoólicas e quando percebe já chegou na meia idade e ainda não se livrou da dependência.
Para definir o gay adulto ou idoso como alcoólatra é mais importante avaliar o impacto do álcool na sua vida e se ele já tentou parar e não conseguiu.
Também, não há estudos específicos sobre o consumo de bebidas na população gay, mas é primordial que se fale do assunto de forma aberta e realista.

O gay consome muito álcool durante a maior parte da sua vida e estudos indicam que para se tornar um alcoólatra bastam 10 ou 12 anos de consumo de álcool etílico.

O gay jovem, adulto ou idoso está inserido na sociedade brasileira e portanto faz parte das estatísticas globais.

Dois fatores contribuem muito para o alcoolismo na população homossexual: “Solidão” e “vida noturna”.

Basta ir a um bar e observar os clientes – a maioria está consumindo bebidas alcoólicas, poucos tomam água, refrigerante ou suco. A cultura dos bares noturnos é aumentar o fluxo de caixa e vender bebidas para agitar o local e deixar os clientes quentes para a noitada – aparentemente leves e felizes.
Não pretendo com este artigo fazer campanha ou apologia contra o consumo de bebidas – cada um é dono da sua vida e da sua saúde, mas vale muito a pena refletir a respeito do assunto, principalmente se você é um gay maduro ou idoso.
Ver matéria sobre alcoolismo: hpcentro.com.br
Anúncios

Sobre Regis

57 anos de idade, residente na cidade de São Paulo

Publicado em 26/10/2009, em Consumo, Qualidade de Vida, Saúde. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: