Arquivo mensal: agosto 2009

Gay maduro – a melhor postura é o silêncio

Nascer gay hoje é fashion.

Difícil foi nascer homossexual nos anos da ditadura e ainda ter que conviver com todos os aparatos sociais de repressão e ódio.
Há muito tempo eu não encontrava o Flávio, um velho conhecido dos anos 70. Perguntado por onde andou e o que fez, simplesmente respondeu:
Me calei no silêncio para construir a minha vida. Saí de casa e me escondí na metrópole para não ser percebido pelos familiares e amigos de adolescência. Me travesti de hetero para ser reconhecido como um bom profissional e não me arrependo de nada que fiz.
Questionado sobre as mudanças na sociedade e as leis contra a homofobia, foi categórico:
Se tivesse que fazer tudo novamente eu não mudaria nada do que fiz.
As sociedades evoluem e numa onda de liberalismo retrocedem no tempo – na vida real tudo não passa de uma farsa e sempre seremos discriminados. Todo mundo tá saindo do armário e vai chegar um dia em que vão catalogar todos os gays e exterminá-los, assim como os judeus na segunda guerra mundial.
Aí me lembrei do livro Admirável Mundo Novo de Aldous Huxley – que narra um futuro onde as pessoas são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia com leis e regras sociais de uma sociedade formada por castas.
Se o Flávio tem ou não razão, isso não importa. Mas ele me fez pensar sobre o presente e o que o futuro nos reserva.
O livro que citei foi escrito há mais de 80 anos e parece que foi escrito ontem.
Anúncios

Coral Gay em São Paulo

Em julho publiquei um post sobre o primeiro coral gay masculino do Brasil na cidade do Rio de Janeiro – Coral de Cavalheiros Cariocas.

Ontem mais uma grata surpresa relativa sobre corais gays, agora em São Paulo – Uma paróquia da igreja episcopal anglicana do Brasil, localizada no centro de São Paulo, iniciou os ensaios do Coral Masculino Gay. A novidade já conta com a adesão de 12 homens Gays e a meta é que esse número chegue a mais de 30.
A criação do coral “é coerente com a tradição dessa comunidade anglicana de acolher pessoas, independente de sua orientação sexual”, diz o reverendo Arthur Cavalcante.
Os interessados em participar do Coral Masculino Gay de São Paulo devem entrar em contato com a secretaria da:Paróquia da Santíssima Trindade
Praça Olavo Bilac, 63- Campos Elíseos – São Paulo – SP – CEP: 01201-050
Tel: (11) 3667 8161
%d blogueiros gostam disto: