Gay velho e sozinho

A história a seguir é verídica e nos mostra a realidade de cada indivíduo e que muitas vezes se repete conosco:

“SOU HOMOSSEXUAL, 53 ANOS. Eu sempre sonhei em morar junto com outro homem. Namorei por dezoito anos, mas ele não queria morar junto e achava que eu não poderia arcar com uma casa, acabou terminando a relação. Conheci um outro rapaz, o André, no qual realizaria meu sonho, que seria morar junto.
Eu pensei que seria um ótimo relacionamento, até as dívidas aparecerem, a principal divergência motivo de nossa separação; só eu trabalhava, ele fazia faculdade, o dinheiro que ele ganhava era para pagar a prestação do carro e faculdade, e os consertos porque o carro só vivia no mecânico. E o que eu ganhava era para manter a casa e ajudar a pagar as dívidas dele, e as brigas começaram ele dizia para mim que relacionamento é para um ajudar o outro, mas eu sentia que tinha entrado num golpe.
Depois de tantas brigas nos separamos, eu voltei para casa de minha mãe, ele ficou na casa em que morávamos. Às vezes me sinto como se tivesse me iludido apesar da minha idade, e isto tem me revoltado quando penso que vivi com ele tanto tempo. Ele ficou sem relações sexuais comigo, e falava que eu cobrava muito dele, às vezes penso que fui muito intolerante com a situação no qual estávamos vivendo. Penso que ainda o amo.No momento estou muito receoso a respeito do futuro, e se terei algum amor, devido a minha idade. Tenho muito medo do futuro, homossexual, velho e sozinho. Fábio”

O texto foi extraído do site do dr. Alberto Goldin – Psicanalista
Leia o que o dr. Alberto respondeu ao Fábio: clique aqui
Um ótimo final de semana para você.

About these ads

Publicado em 28/08/2009, em Comportamento, Memória, Qualidade de Vida. Adicione o link aos favoritos. 14 Comentários.

  1. Acho que você poderá encontrar alguém sim, pois assim, como pessoas gostam de mais novos, existe pessoas que gostam de mais maduros. Eu sou um que tenho muito amor por mais maduros. O meu maior empasse é que ninguém sabe deste meu desejo… meio que da criação, minha família veria isso com certa diferença, principalmente minha mãe, a quem eu respeito muito. Ja tive uma relação que durou anos, ele bem mais velhos que eu, e por mim duraria para sempre, mas ele era de outro estado e voltou com a familía. Nosso relacionamente foi com total discreção, mas foi ótimo. Eu também ainda sonho em encontrar o meu companheiro. Tenho 43 anos, e tenho um desejo ativo muito grande mor maduros… Não se preocupe você ainda vai encontrar alguém especial… Por enquanto pense apenas que, se eu estivesse ao seu lado estaria te beijando e enchendo de carinho… assim você saberá que tem pessoas que lhe deseja muito como amigo e companheiro… beijo bem grande no seu coração… mesmo não lhe conhecendo pessoalmente…rssss

  2. Gente, acho muito bom, otimo mesmo um post como destes, para vermos que não somos
    os unicos a sofrer neste mundo…. olhem como as pessoas se iludem,e que estas trocas
    de experiências e esses depoimentos só tendem a nos agregar, aproximar, fazendo de
    nós melhores pessoas com o passar do tempo

  3. A respeito do texto acima citado, eis a minha opinião e não me considero a última bolachinha
    do pacote, volta e meia a gente volta sempre a bater sempre naquela tecla: porque uma pes-
    soa parece fixação a veu ver, tem que encontrar alguém para se realizar ou ter uma velhice
    pelo menos digna, aos olhos destes, com uma companhia?
    Esse jovem senhor de 53 anos simplesmente esteve sozinho dele mesmo uma vida inteira:
    ele delegou a outras pessoas a incrível missão de faze-lo pleno e feliz.Será que um ser hu-
    mano precisa de 18 anos para perceber que um relacionamento está desgastado?
    O que ele poderia esperar de um jovem fazendo a faculdade e que não colobora em casa e só pensa no carro? Sempre os outros e que estão errado… ele se vitimiza o tempo inteiro ,
    não seria um comportamento muito infantilizado para um jovem senhor de 53 anos, que se
    sente um velho que acreditou na bondade do mundo e das pessoas e na paz mundial??????? eu posso parecer ironico, mas li a todos os co mentários, moçada se vc tem
    alguma problema, procure solucioná-lo, conquiste seu espaço, acredite em vc, ame-se pri-
    meiro antes de conhecer alguém,ninguém dá o que não pode. Em pleno século 21 o conto
    do bilhete vamos combinar… tá muito batido e manjado. Que nos responsabilizemos por nos-
    sos atos e escolhas e que acreditamos num amanhã melhor com os pés no chão e a cabeça
    nas estrelas( reluzente e brilhante).
    o melhor da vida ainda está por vir……

  4. walmir azevedo coze

    Acho fantastiscos esses blogs,pois amo e sinto atração por homens mais velhos desde os 16 anos,não sou efeminado e nunca sai ou me atraiu jovens.Hoje eu com 47 anos já perdi dois companheiros ,um por cancer e outro por insuficiência renal.Estou só,más vivo a procura de outro amigo para ser feliz de novo.Ah tem uma boa tirada,meu pai perguntou pra mim quando eu tinha 23 anos o que eles( meus coroas,se posso dizer assim) te dão que eu não possa te dar.O que eu iria falar pra ele,amor,tara,tesão,compania,conversa.Hoje meu paijá partiu pra uma melhor,se foi entendendo que era amor e atração de verdade.E foi meu companheiro até o final de seus dias.

  5. É tão normal e bom ter alguém diferente de você. Homem e Mulher….com respeito…..não entendo a homossexualidade

    • clara:
      Com certeza vc é heterossexual ok?
      Então,perceba vc tudo conspira a seu favor: se vc for casada vc é aceita numa sociedade,as leis foram feitas para os heteros, todos os 364 dias do ano são
      hetero, e um só dia do orgulho gay, ninguém do nada vai estourar uma lampada
      fluorescente na sua cabeça porque não gostou do seu cabelo ou cor da roupa
      consegue alçançar essas idéias?
      Vc não entende a homossexualidade em que sentido? religioso? sob o pto de vista
      biológico, genético ou sei lá… psicológico??????????
      Vc escolheu ser heterosexual?
      Ser gay não é uma escolha e sim uma condição.

  6. Eu prefiro gays mais maduros que eu ou na minha faixa etária(55 anos),nunca gostei de jovens para relacionamento,achava que por causa da idade e da geração mesmo,dizem que amor não tem idade,um cara de 20 jamais pensará como um cara de 50,jamais,questão de experiência de vida,.Questão de gosto(eu pensava assim).Por ironia do destino sou casado com um rapaz 15 anos mais novo que eu,e olha que as vezes brigamos,também tenho um temperamento forte,vamos lá,mas sou muito companheiro,sempre fui independente,determinado,na realidade eu sempre gostei de cuidar de pessoas e buscava um coroa para poder “cuidar” dele e pelo tesão imenso que sinto por eles,mas por um capricho do destino nunca consegui namorar um deles ,eu não os atraia,eu parecia jovem demais.E eu que amava e amo gordos,peludos,com mais de 55 anos,fui me relacionar com um de 30 anos,hoje,nesses 10 anos de convivência aprendi a me relacionar com ele,até o acho mais gostoso que antes ,pois eu corpo perdeu o jeito de garotão e está mais com jeito de coroa.Hoje eu mais velho,mais caseiro,leio meus livros,assisto meus filmes antigos,saio 2 vezes por semana para jantar fora,faço minhas caminhadas,e ele aprendeu meus limites,é companheiro.Tem coisas que só o tempo para ajustar.Se existe vontade,amor compreensão,respeito ,tudo se resolve.Mas não é fácil,principalmente na questão financeira.

  7. marcio borges

    Eu tive um relacionamento por 17 anos, algo meio complicado, com certeza,mas aprendi a amar, porque ele me ensinou, mas só no final sentia que nao era amado,tudo mudou e no final vi que fui trocado por um menor de idade.
    Eu tenho 45 anos e meu primeiro amor e unico hoje tem 60 , ele conheceu um mais cara novinho, acredito, 23??????? , mas so fiquei sabendo dois anos depois.
    Hoje estou so e na esperança de conheçer outro gay que queira se relacionar sem putaria, uma vida honesta com outro homem.

  8. Ramon Faria

    Verdade ! Adoro homens de cabelos brancos, só que a maioria procura jovens que estão dispostos a tudo inclusive a maus-tratos que é uma pena.

  9. olha pessoal sinto medo disso tambem , mais sentir medo é normal na vida.
    tenho 17 anos sou gordo peso 138 kg,e sou homossexual,a cada dia que acordo reflito pra construir uma personalidade forte……..
    o importante e saber q ficar sozinho sendo homossexual e fato ……pois vivemos numa sociedade em que os homossexuais apesar das pessoas achar que nao sao a minoria….claro que nunca devemos deixar de acreditar num grande amor , mais como disse temos que ter os pes no chao……e envelhecer bem e saudave,l tanto de corpo como de mente. bjsssssssss.

  10. Sofri muito com o depoimento dele, principalmente porque o entendo muito bem. Desde os meus 17 anos, percebi que, se não encontrei ninguém que me amasse até ali, deveria começar a me habituar a idéia de ficar sozinho. Uma possibilidade – se mostrando BEM mais possível do que encontrar alguém.
    Hoje, aos 20 anos, não tenho esperança nenhuma. Moro com meus pais, homofóbicos e intolerantes, sou totalmente sozinho e sem perspectivas quanto a um relacionamento e felicidade nesse sentido. Minha vida gira em torno do profissional, e isso é simplesmente tudo o que eu tenho.
    Meus pais não aceitam que eu me assuma ou tenha relacionamentos, e eu preciso da ajuda financeira deles. Então, não há escapatória.

    Acredito que muito provavelmente ficarei sozinho o resto da vida, como tem sido por todos esses longos anos, através da adolescência e agora da fase adulta. E sei o peso tamanho que este homem carrega.
    Só posso desejar que, como eu, volte seus olhos para outras coisas na vida, e tente ser feliz com o possível.

    Meus sinceros abraços e afagos à distância.

    • alvo:
      Tenha paciência vc é ainda um menino tem muita coisa boa ainda para acontecer na
      sua vida, o amor com certeza vai chegar, na sua hora é claro enquanto isso como vc
      falou isso mesmo, vá cuidando do seu jardim, ou seja sua vida, estudando, trabalhan-
      do, levante a cabeça rapaz e borboletas(os) pousarão sobre vc.

  11. Tenho 40 anos, tive um único relacionamento com uma pessoa de 57 anos (idade atual), ficamos juntos por 17 anos, há 5 anos estou sozinho… Não entro na paranóia de achar que estou sem companheiro, estou procurando e sei que quando a pessoa certa aparecer será maravilhoso quanto aos 17 anos que dediquei a esta pessoa maravilhosa, somos grandes amigos… Sei que quando precisar terei sempre ajuda e a recíproca é a mesma. Quanto ao fato de envelhecer penso das seguinte forma: se fosse héterossexual, casado, 2 filhos ou mais não teria a paranóia de velhice da mesma forma??? Gay ou não temos que nos amarmos cada vez mais, viver intensamente todo o momento, curtir a vida, a natureza, os animais, fazer amizades sem distinção de classe social, respeitar o seu próximo e agradecer a Deus pela vida que é uma grande benção…Agora, estou a procura de um novo amor, entenderam???Forte abraço à todos do site maduros.

  12. Este é o problema do homossexual maduro que procura por parceiros bem mais jovens. Eu estarei completando 61 anos no dia de amanhã e nunca tive problema de solidão, porque sempre tive e tenho relacionamentos com parceiros maiores de 60 anos, são mais amigos, carinhosos e compreensivos. Já fui "casado" por 15 anos com um senhor que eu conheci aos 70 anos de idade e foi uma união maravilhosa e harmoniosa
    mas tudo é questão de gosto e gosto não se discute.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 268 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: